Microsoft TechSummit São Paulo 2017 – Impressões de um marinheiro de primeira viagem

Microsoft TechSummit São Paulo 2017–Impressões de um marinheiro de primeira viagem

Fala galera, 100%?!

Eu começo esse post com uma simples pergunta: Esse ano você participou de quantos eventos de TI ou relacionados a seu negócio?

Neste ano, em São Paulo, a Microsoft realizou, por dois dias, o TechSummit, um evento que faz parte do calendário internacional da empresa a muito tempo. Os “velhos de guerra” ainda o chamam de TechED. Em resumo, o evento busca trazer novidades para a comunidade técnica de TI, especificamente. Essa veia mais técnica é vista durante todo o evento que é composto por várias sessões, Labs on-demand e workshops cheios de conteúdo novo.

Apenas um parenteses aqui….eu aproveitei a ida a SP para participar do evento EvoluTI, organizado pelos amigos Marco Lagôa e Rafael Bernardes! Meu muito obrigado pelo convite e parabéns pelo evento, 2018 pede a edição 2.

Eu, por questões de meta, aguardei o dia da inscrição ansiosamente, ajustei passagens e hotel na grande capital (sou do do interior do ES) e parti para o evento. Resumirei de forma bem objetiva minhas impressões como marinheiro de primeira viagem sobre o evento. E sim, eu NUNCA havia ido a um evento de TI desse porte.

WhatsApp Image 2017-12-14 at 22.53.37

Tudo ocorreu no Transamerica ExpoCenter. Logo de cara as placas avisavam o que encontrariamos em abundancia no evento: Build you cloud skills with the latest in Azure and Microsoft 365 (Construa suas habilidades em nuvem com as novidades do Azure e Microsoft 365).

photo5008017453405546431

Não tinha muito para onde correr…TODAS as sessões técnicas, direta ou indiretamente citavam a bendita nuvem e o poder que isso traz ao negocio e ao IT Pro. Se estamos aqui, vamos pra cima, disse eu….

Keynotes

A primeira sessão que participei era a tal “Keynote”. Um espaço maior do que as demais salas onde Loredane Feltrin, diretora de Modern Workplaces deu o ponta pé nas sessões técnica. Eu confesso que estava aguardando uma palestra puramente publicitária mas me enganei totalmente! Consegui descobrir o poder que o Office365 entrega para equipes geograficamente distribuidas. Em uma das demos minha mente parou por alguns minutos quando rolou uma tradução, ao vivo e simultanea, de Alemão (sim German) para Ingles e portugues, utilizando a IA da solução. A principio tradução é algo trivial, o que blew my mind foi o fato de não ter encontrado erros de concordancia e/ou conjugação do alemão para o portugues (pode parecer que não mas pt-br não é tão simples assim).

Novidades dentro do PowerPoint, ferramenta que é simples e básica para muitos, me deixaram impressionado. As novas versões tem um poder incrível de sugerir designs e formatos para melhorar as apresentações.

Logo após isso, na mesma sala, mais um bate papo sobre nuvem, agora especificamente com o que o Azure pode oferecer em soluções. Nesta destaco:

  • Uma VM no Azure com 128 CPUs e 2TB de RAM (sim, apenas isso)
  • Ferramentas de monitoramento da estrutura em cloud
  • IA do Azure: O que mais me chamou atenção aqui foi o uso da analise de sentimento feita por um chat bot. É INCRÍVEL.

Tudo foi muito bem demonstrado por Petri Rocha, brazuca que trabalha na Microsoft em Redmond.

Sessões Técnicas (Breakout Room) – As que mais chamaram atenção

WhatsApp Image 2017-12-14 at 22.57.52

Como participei de VÁRIAS sessões técnica, separei as que mais me chamaram atenção, tanto em relação ao assunto quanto ao palestrante em si.

Começamos por um tema que não se houve falar com muita frequencia, o tal do DLP (Data Loss Prevention). A solução do Azure é sensacional! Esse recurso é utilizado por corporações que querem categorização e segurança de dados sensíveis. É possível configurar o sistema para que entenda o que é um dado sensível e uma vez reconhecido esse padrão existem ações possiveis, como: Nao permitir impressão, permitir impressão com marca d’agua escrito confidencial, bloqueio de alterações, bloqueio de copia entre outras “coisitas más”! O assunto é muito bacana, vale a pena um tempo de estudo.

photo5006229956736427986

Rafael Bernardes falou sobre funcionalidades do Azure Storage. Eu já tinha ouvido falar e lido sobre a capacidade de definir tipos de discos para dados específicos. Basicamente agora conseguimos dizer que, informações que são acessadas com mais frequencia, sejam armazenadas em discos mais rapidos (SSD por exemplo) enquanto dados com acesso não tão constante sejam alocados em discos com menor performance, e obviamente mais em conta. Além disso tudo é possível trabalhar com Archive. O grande lance é poder realizar esse tipo de categorização manualmente ou deixar por conta do Azure. Um ponto que não é novidade, mas que vale ressaltar, é a desenvoltura e postura mais descontraída do Rafael durante a palestra.

Vinicius Apolinário falou sobre Windows Server e Cloud Hibrida. A primeira vista não entendi muito bem o tema da palestra mas logo fez total sentido. É de conhecimento geral que sair de um ambiente totalmente on-premisses (local) para nuvem não é tão simples como muitos pregam. A palestra deixou claro que é possível e totalmente viável realizar essa “migração” por partes iniciando com um ambiente hibrido. Soluções como o Azure Files Sync já começam esse trabalho quando se trata de arquivos, além do Azure AD e similares. Além disso conhecemos mais detalhes sobre o tal Windows Server 1709 (post em breve). Aqui também vale parabenizar a forma como a palestra foi conduzida. O Apolinário faz jus a posição que ocupa hoje na Microsoft e na comunidade técnica, o cara manda MUITO bem!

Como comentei participei de muitas sessões. Infelizmente se eu falar sobre todas o texto vai ficar chato e você vai querer sair do blog, então, fico por aqui em relação as sessões técnicas.

Networking

Sem sombra de dúvidas o ponto alto do evento, particularmente. Tive oportunidade de conhecer pessoalmente gigantes da TI brasileira. Alguns nomes:

  • Fabio Hara
  • Vinicius Apolinário
  • Daniel Donda
  • Rafael Bernardes
  • Thiago Guirotto
  • Osanam Giordane
  • Ismael Casagrande
  • Leandro Amorim
  • Flavio Ferreira
  • Luiz Pessol
  • Professor André
  • André Ruschel
  • Marco Lagôa

Não da pra lembrar de todos e provavelmente muitos não lembraram que eu fui lá puxar conversa meio que na cara de pau. O que vale aqui é ressalatar a possibilidade que eventos desse tipo proporcionam. Não é sempre que temos a oportunidade de conversar sobre TI com profissionais desse nível. Deixo meus agradecimentos a todos pela simpatia e receptividade.

 Estrutura do Evento

Fiquei impressionado com a organização do evento como um todo! A cada intervalo, uma mesa gigante com café e chá. Todo o staff muito educado e 90% bilingue. Para a sessões em ingles rolou tradução simultanea, bastava solicitar um fone logo na entrada do evento. Dica: You MUST HAVE to learn english!

O Hall F, local do evento, acomodou perfeitamente e com folga todos que participaram do evento!

Lições Aprendidas

  • Chegar cedo compensa: Não rolou fila nem nada. O grande lance é conseguir acompanhar toda a movimentação e fazer muito networking chegando cedo
  • Não pisque quando o almoço for liberado: Sim, o evento tem almoço free. Não pisque, se piscar perde o snack
  • Seja cara de pau: No primeiro dia do evento perdi a oportunidade de falar com alguns líderes de produto por falta de cara de pau.
  • Marque na agenda de 2018 a volta ao evento: Compensa muito!
  • Tire fotos: Percebeu que não curto muita foto, né?! Um erro, o proximo terá melhor cobertura

Em resumo, vale muito a pena participar desse tipo de reunião/evento. A gama de conhecimento técnico e networking que conseguimos não tem preço.

E ai, posso contar contigo no próximo TechSummit?!

Grande abraço e até!!! \,,/

2 Comments

  1. Olá Nathan,
    Show de bola a sua cobertura. Eu estive la também e vou seguir a sua dica, te vi passando por la e não fui falar com você (faltou cara de pau), no próximo podemos conversar pessoalmente.
    Este também foi meu primeiro evento no TechSummit, pude conversar com Rafael Bernardes, Finnet, Josué Vidal e fazer um novo networking. Foi sensacional compartilhar conhecimento com pessoas feras.

    Ate 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *